Jason Valdez é o nome do elemento que se refugiou em um quarto de hotel na última sexta-feira 18, após uma fuga de oficiais que tentavam levá-lo a corte por posse de drogas. Um smartphone conectado ao Facebook era seu único aliado.

Veja o mural de updates do meliante:

Ele basicamente escrevia pedindo comentários de apoio dos amigos e familiares, e xingava a polícia se dizendo uma “vítima da situação”. Mas o pior mesmo foi o upload de fotos posando junto com a refém:

“Arranjei uma refém bonitinha, o que acham?!”, escreveu o bandido na legenda das fotos. Ele dizia que a garota estava com ele por vontade própria e, em dado momento, um amigo postou um comentário dando uma dica de que um policial tentava entrar pelos fundos do hotel. Ele ainda respondeu agradecendo pelo aviso…

A diversão durou pouco e oficiais da SWAT invadiram o local. Nenhum tiro foi disparado, mas o espertalhão ainda conseguiu acertar o próprio peito com sua arma. Ele sobrevive mas em condições graves.

O perfil de Valdez na rede social está cheio de manifestações de apoio e compaixão com sua história e atitudes, que se não são imbecis beiram a ingênuas, mas talvez esses simpatizantes não saibam que o elemento tem uma ficha criminal extensa, que ainda inclui condenações por assalto e violência doméstica em frente a uma criança, segundo a corte.

Autoridades decidem se os amigos que tentavam ajudar Valdez pelo Facebook dando dicas devem ser indiciados por obstruir o trabalho da justiça e interferir em investigação policial.

E você, acha que essa bandidagem toda deve ir pra cadeia?!

http://www.youtube.com/watch?v=A9khCapdf8E